Os Três Mosquiteiros Trapalhões

 


OS TRÊS MOSQUITEIROS TRAPALHÕES (1980)

    

Renato Aragão, Dedé Santana, Antonio Carlos "Mussum", Mauro Gonçalves "Zacarias".


 

Atuações especiais: Pedro Aguinaga (como Duque) e Silvia Salgado (como Fernanda Rocha Cerqueira Lima).

 

  

Atuações especiais: Jorge Cherques (como Dr. Luís Rocha Cerqueira Lima), Rosita Tomaz Lopes (como Dona Ana Rocha Cerqueira Lima) e Denny Perrier (como Richet).

 

  

Participações especiais: Milton Villar (como Foca), Edgar Franco (como Turcão) e Carlos Kurt (como Chico Alemão).

 

Sinopse: Dona Ana presenteia um colar de esmeraldas a Duque para que possa ter posses e, assim, receber a permissão de seu marido, o empresário Dr. Luís Rocha Cerqueira Lima, para casar-se com Fernanda, a filha deles. No entanto, Richet - interessado também na moça - descobre o plano e exige que só aceitará a sociedade com Luís quando ver Dona Ana com a joia durante uma festa. O problema é que o colar de esmeraldas foi parar nas mãos de agiotas. Agora Zé Galinha e os três mosquiteiros da mansão dos Rocha Cerqueira Lima serão os encarregados de resgatar a peça.

 

Ficha técnica:

- Direção: Adriano Stuart.

- Produção: Renato Aragão Produções.

- Elenco: Renato Aragão, Dedé Santana, Antonio Carlos "Mussum", Mauro Gonçalves "Zacarias", Rosita Tomaz Lopes, Jorge Cherques, Silvia Salgado, Pedro Aguinaga, Denny Perrier, Milton Villar, Carlos Kurt, Hélio Ribeiro, Edgar Franco.

- Argumento e roteiro: Renato Aragão.

- Colaboração: Vitor Lustosa e Ariston Almeida.

- Direção de fotografia: Antonio Meliande.

- 2ª unidade: Jorge Monclair.

- Montagem: Manoel de Oliveira.

- Música: Antonio Remo Usai.

- Som direto: José Tavares.

- Assistente de montagem e assistente de direção: Dedé Santana.

- Diretor de produção: Hélio Ribeiro.

- Produtor executivo: Del.

- Produtor: Renato Aragão.

- Duração: 100 min.

 

Público: 4 milhões e 221,2 mil espectadores*

(*Dados da Embrafilme S.A.).

 

Curiosidades:

- O filme faz apenas uma alusão ao título do romance Os três mosqueteiros, escrito pelo francês Alexandre Dumas (1802-1870) em 1844. Isso porque, nesta produção dos Trapalhões, pouquíssima coisa lembra o livro francês. E o que se pensa serem "mosqueteiros" no filme são, na realidade, mosquiteiros, ou seja, matadores de mosquitos.

- Apesar do título Os três mosquiteiros Trapalhões, o DVD lançado pela Europa Filmes traz na embalagem o nome mosqueteiros. Porém, no menu do DVD já aparece o nome correto.

- Os Trapalhões Dedé, Mussum e Zacarias mantêm seus nomes e interpretam os três mosquiteiros no filme. Já Renato Aragão interpreta o personagem Zé Galinha e também, como ele próprio diz, o mosqueteiro "Tratanhã" (O do romance francês é D'Artagnan).

- Segundo filme do ator Pedro Aguinaga junto com os Trapalhões. O primeiro foi Os Trapalhões na Guerra dos Planetas (1978).

 

- Os Trapalhões viajaram pelo Brasil afora atrás do colar de esmeraldas através da empresa aérea brasileira Transbrasil, criada em 1955 e extinta em 2001.

- Atuação especial do ator Denny Perrier. Nasceu em Paris (França), mas passou boa parte da vida no Brasil. Participou de filmes como Escalada da Violência (1982) e Memórias do Cárcere (1984). Fez sua estreia na telenovela Dancin' Days (1978, TV Globo) e atuou ainda em mais outras como Roque Santeiro (1985, TV Globo) e Os gigantes (1979, TV Globo). Uma de suas últimas atuações foi na minissérie Marquesa de Santos (1984, TV Manchete). Consta em jornais da época e sites que era portador do vírus da AIDS. Faleceu em 1992.

 

- Antes dos créditos iniciais, é veiculada uma propaganda da antiga Embratur (Hoje chamada de Instituto Brasileiro de Turismo) com Renato Aragão (Montado em um jegue) pedindo ao público que economize gasolina e viaje de ônibus ou avião.

Esta propaganda era veiculada quando o filme estava em cartaz nos cinemas, mas não em sua reexibição nas tardes da TV Globo durante as décadas de 1980 e 1990.

- Participação especial do ator Edgar Franco (Creditado também como Edgard Franco). Inicou carreira no filme Tristeza do Jeca (1961) e na telenovela A Muralha (1961, TV Cultura). Atuou ainda nas telenovelas Meu pé de laranja lima (1970, TV Tupi), Mulheres de Areia (1973, TV Tupi), O Machão (1974, TV Tupi), Éramos Seis (1977, TV Tupi), Sangue do meu sangue (1995, SBT), e em filmes como Um caipira em Bariloche (1973) e Kung Fu contras as bonecas (1975). Faleceu em 1996 de ataque cardíaco.

- O filme teve locações em 03 cidades diferentes: Foz do Iguaçu (Paraná), Manaus (Amazonas) e no Rio de Janeiro.


- A música instrumental que se ouve durante a cena de luta entre os Trapalhões e o bando de Turcão é a da abertura do filme O Trapalhão nas Minas do Rei Salomão (1977). Ela aparece também na cena de luta do filme O incrível monstro Trapalhão (1980). Já a música instrumental do final do filme Os três mosquiteiros Trapalhões é a mesma do final do filme O Trapalhão nas Minas do Rei Salomão. O fato é explicável uma vez que o músico de todos essas produções citadas é Antonio Remo Usai.


Banner de divulgação (Tamanho 468x63)


© Copyright - Página feita no Brasil - Desde 15 de dezembro de 2008

Melhor visualização em telas de 1280x768