Criador do site

 

Criador do site

Igo Castro

Natural de Teresina, estado do Piauí - BRASIL

 

Os Trapalhões fazem parte da minha memória de infância e, por isso, permanecem até hoje como uma boa lembrança. Não raras vezes ia assistir os filmes que estreavam nas férias, bem como o programa que ia aos domingos às 19h. Funcionam, ainda hoje, como um momento de deleite e uma válvula de escape - temporária - para muitas adversidades.

A não ser em TV, nunca tive contato frente a frente com o quarteto. Mas tive a oportunidade de conhecer, quando ainda era criança, um primo de Renato Aragão que mora aqui em minha cidade: Seu João Aragão. Basta chegar perto dele para ver que lembra mesmo o seu primo famoso, até mesmo na voz. Nunca mais o vi, embora saiba que vive ainda hoje no mesmo lugar: no bairro Redenção, próximo ao estádio Albertão. 

Para terminar, queria agradecer a visita de todos ao site, principalmente dos visitantes brasileiros e portugueses.

 

Informações de copyright

Qualquer imagem ou informação retirada deste site, favor de colocar os créditos ao autor do mesmo.

Preze pela originalidade e não pela cópia.

 

Observação: No decorrer do site foram colocadas os créditos às informações e imagens que pertencem a outros.

Acervo de coleção

Abaixo o meu acervo dos Trapalhões, de onde retiro 99,9% do material para este site.

- Revistas com informações sobre Os Trapalhões.

 

 

 

© igocastro

- Filmes dos anos 70 até os anos 90 (coleção ainda incompleta).

 

 

 

© igocastro

- Inúmeros DVDs com quadros dos Trapalhões.

 

 

 

© igocastro

- Livros: O da imagem é Cinema, televisão e publicidade, de José Mario Ortiz Ramos. Além de tecer as relações entre o marketing publicitário e esses dois meios de comunicação, Ramos dedica um capítulo inteiro sobre os Trapalhões onde discute e questiona o modelo de humor do grupo e os motivos da permanência do quarteto, ainda hoje, no imaginário popular de massa brasileiro.

 

 

© igocastro


Banner de divulgação (Tamanho 468x63)


© Copyright - Página feita no Brasil - Desde 15 de dezembro de 2008

Melhor visualização em telas de 1280x768